Quarentena do Bem

No início da pandemia, o Paulo de Tarso viu-se no dilema de como manter as atividades, ao mesmo tempo em que era imperioso o isolamento. Muitas reuniões passaram a ser realizadas por meio de aplicativos, e as palestras se tornaram lives no Youtube e Instagram.

Mas a assistência e promoção social dependem da presença física. Criou-se, então, a Quarentena do Bem. Alinhado ao conceito cristão de faça sua parte, que o Céu te ajudará, esse grupo, adotando todas as cautelas materiais e espirituais, manteve as portas do Centro abertas para receber doações e promover a distribuição dos mais variados itens a quem precisasse.

Novos pedidos chegaram, e a atividade caritativa, ao contrário da aparente falta de movimentação na instituição, ampliou-se. Além das cestas básicas que já eram mensalmente distribuídas, foram acrescentadas ao quantitativo anterior à pandemia inúmeras outras.

Devido ao isolamento, muitos nem sequer sabiam que a equipe de artesanato não suspendeu suas atividades. Tendo à frente D. Solange e D. Margarida, foram confeccionadas inúmeras máscaras, distribuídas juntamente com as cestas, como um novo gênero de primeira necessidade.

Em números rápidos, em 2020 foram 200 cestas-básicas no Assentamento Betel; 550 no Varjão; 1.100 no Itapoã; e mais 800 no DF.

Somente para a ação de Natal, mais de 60 (sessenta) voluntários se disponibilizaram para preparar as refeições e levar marmitas e demais doações a diversos lugares no DF. 

 

DISTRIBUIÇÃO DE NATAL

Ceia a moradores de rua

O Paulo de Tarso, em pareceria com o grupo espírita Natal Solidário, nos dias 23 e 24 de dezembro de 2020, distribuiu ceias natalinas aos moradores de rua do Setor Comercial Sul, Rodoviária, Asa Norte e Paranoá.

Com arrecadação pelo Natal Solidário e preparação em conjunto com os voluntários do CEPT, foram entregues mais de 300 ceias caprichadas, compostas com arroz, farofa, salpicão, tender e pernil, além de panetones, brinquedos, fraldas, chocolates e refrigerantes, trazendo um pouco de paz a famílias tão sofridas.

(continua após as fotos)

 

Assentamento Betel

Ainda no início da pandemia, o CEPT recebeu pedido de cesta básica para um morador do assentamento Betel, que fica no Lago Oeste, a apenas 45 minutos da rodoviária do Plano Piloto.

Os voluntários condoeram-se com a enorme pobreza do local, onde 80 pessoas habitam casas de madeira e chão de barro. Desde então, o auxílio foi ampliado a outras famílias, mantendo-se até hoje.

Para o Natal, foi realizada campanha entre os colaboradores do CEPT, apadrinhando as 37 crianças que ali habitam. Na ocasião, para que atendimento fosse o mais personalizado possível, foi realizado um cadastro com a idade, número de roupa e calçado das crianças apadrinhadas. Assim, além da cesta básica usual, da ceia natalina e de guloseimas especiais, elas receberam brinquedos, material de higiene, roupas e calçados, o que rendeu aos voluntários emocionados sorrisos de gratidão.

(continua após as fotos)

 

DEPOIMENTO DE LARISSA F. DAS NEVES:

Cada um que se doou pôde viver intensamente os ensinamentos do Cristo.

Este ano foi diferente não só por causa da pandemia, que assolou todo o mundo, mas também porque estamos em plena transição planetária. Entretanto, como sempre, o amor venceu mais vez. Em cada rosto dos nossos voluntários, apesar da máscara, era possível ver o brilho no olhar e um sorriso de cada um que se doou e pôde viver intensamente o ensinamento do Cristo: Tive sede e deste-me de beber, tive fome e deste-me de comer, estive preso e foste-me visitar

Acredito que esse Natal Solidário foi um grande divisor de águas na vida de muita gente; certamente, na minha foi, pois posso, finalmente, dizer que já não sou mais eu quem vive em Cristo, e sim Cristo que vive em mim. Por isso, sinto-me comprometida a espalhar essa Boa Nova a todos que cruzarem meu caminho.  

 

 

× Como posso te ajudar?

Política de Privacidade — Garantir a confidencialidade dos dados pessoais dos usuários é de alta importância para nós, todas as informações pessoais relativas a membros, assinantes, clientes ou visitantes que utilizam nossos sistemas serão tratadas em concordância com a Lei da Proteção de Dados Pessoais de 26 de Outubro de 1998 (Lei n.º 67/98). As informações pessoais recolhidas podem incluir nome, e-mail, telefone, endereço, data de nascimento e/ou outros. O uso de nossos sistemas pressupõe a aceitação deste Acordo de Privacidade. Reservamos o direito de alterar este acordo sem aviso prévio, por isso recomendamos que você verifique nossa política de privacidade regularmente para manter-se atualizado(a). Anúncios — Assim como outros sites, coletamos e utilizamos informações contidas em anúncios, como seu endereço de IP (Internet Protocol), seu ISP (Internet Service Provider), o navegador utilizado nas visitas a nossos sites (Chrome/Safari/Firefox), o tempo de visita e quais páginas foram visitadas. Sites de Clientes — Possuímos ligação direta com os sites de nossos clientes, os quais podem conter informações/ferramentas úteis para seus visitantes. Nossa política de privacidade não se aplica a sites de clientes, caso visite outro site a partir do nosso, deverá ler sua própria politica de privacidade. Não nos responsabilizamos pela política de privacidade ou conteúdo presente nesses sites. Para maiores informações, entre em contato conosco.